Estávamos entusiasmados com a mudança por causa do trabalho do meu marido. Mas as incógnitas e os desafios deixaram-me ansiosa. Teria de embalar tudo, procurar um lugar para morar, encontrar um novo emprego para mim, familiarizar-me com uma nova cidade, e me estabelecer. Tudo parecia muito perturbador. Enquanto pensava na lista de coisas por fazer, lembrei-me das palavras escritas pelo apóstolo Paulo: elas ecoaram em minha mente: “sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições, pela oração e pela súplica” (v.7).

Se alguém pudesse estar ansioso sobre o desconhecido e desafios, teria sido Paulo. Ele naufragou, foi espancado e preso. Em sua carta à igreja de Filipos, ele encorajou seus amigos que também estavam enfrentando incógnitas, dizendo-lhes: “Não andeis ansiosos de coisa alguma; em tudo, porém, sejam conhecidas, diante de Deus, as vossas petições…” (v.6).

As palavras de Paulo me encorajam. A vida é cheia de incertezas — venham elas como uma grande transição da vida, problemas familiares, de saúde ou financeiros. Continuo aprendendo que Deus se importa. Ele nos convida a abandonar os nossos medos do desconhecido, entregando-os a Ele. Quando o fazemos, Ele, que sabe todas as coisas, promete que a Sua paz, “que excede todo o entendimento, guardará” nosso coração e mente em Cristo Jesus (v.7).