No último dia de um congresso de editoras cristãs em Singapura, 280 participantes de 50 países se reuniram no pátio externo de um hotel para uma foto em grupo. Do terraço do segundo andar, o fotógrafo fez muitas fotos de diferentes ângulos antes de, finalmente, dizer: “Acabamos”. Uma voz da multidão gritou, com alívio: “Bem, alegria ao mundo!”. Imediatamente, alguém respondeu cantando: “O Senhor chegou”. Outros começaram a participar. Logo, o grupo todo estava cantando um cântico de Natal em linda harmonia. Aquela foi uma comovente demonstração de unidade e alegria de que jamais me esquecerei.

No relato da história do Natal feito por Lucas, um anjo anunciou o nascimento de Jesus a um grupo de pastores, dizendo: “…Não temais; eis aqui vos trago boa-nova de grande alegria, que o será para todo o povo: é que hoje vos nasceu, na cidade de Davi, o Salvador, que é Cristo, o Senhor” (Lucas 2:10,11).

A alegria não era para algumas pessoas, mas para todas. “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito…” (João 3:16).

Ao compartilharmos a mensagem de Jesus que transforma a vida, unimo-nos ao coral mundial na proclamação das “glórias da Sua justiça e as maravilhas do Seu amor”.

“Cantai que o Salvador chegou!”.