Tag  |  devocional

Força pelo sofrimento

Muitas vezes, os cultos terminam com uma bênção. Uma destas bênçãos está registrada nas notas finais de Pedro em sua primeira carta: “Ora, o Deus de toda a graça, que em Cristo vos chamou à sua eterna glória, depois de terdes sofrido por um pouco, ele mesmo vos há de aperfeiçoar, firmar, fortificar e fundamentar” (1 Pedro 5:10). Às vezes, a frase “depois de terdes sofrido por um pouco” é omitida na bênção. Por quê? Talvez porque não seja agradável falar sobre o sofrimento.

Do desolado ao lindo

A primavera é a estação do ano em que Deus nos recorda de que as coisas nem sempre são o que parecem. Em poucas semanas, o que parece desesperadamente morto retorna à vida. Bosques desolados transformam-se em paisagens coloridas. Árvores cujos galhos nus se estendiam ao céu no inverno, como se implorassem por vestimenta, de repente se adornam com trajes verdes rendados. Flores que murcharam e caíram ao chão rendendo-se ao frio se levantam lentamente da terra, desafiando a morte.

Os confortos do lar

Certa vez, durante meu mandato como gestor de recursos humanos numa empresa de construção civil, conseguimos alguns projetos num estado vizinho. Isso significava que nossos empregados teriam de enfrentar duas horas de condução a cada ida e volta, além da jornada normal de trabalho. Para aliviar a carga, reservamos quartos de hotel para os dias de semana, mas, também contratamos vans e motoristas para transportar os que quisessem ir e voltar diariamente. Quase todos preferiram as vans!

Cabo da Tribulação

O navio do navegador inglês James Cook colidiu contra um recife ao largo da costa da Austrália em 10 de junho de 1770. Ele navegou para águas mais profundas e, novamente, atingiu outro recife, desta vez quase afundando o navio. Esta experiência o fez escrever no livro de registro do navio: “O ponto norte [foi chamado] Cabo da Tribulação, porque aqui começaram todos os nossos problemas.”

Falar sobre dinheiro

Marilyn e Estêvão estavam casados há poucos anos e o dinheiro estava curto. Ao olhar para sua colcha puída, ela desejou trocá-la. Em seguida, decidiu comprar uma nova com o cartão de crédito — esperando conseguir, de alguma maneira, o dinheiro para pagar.

Muito bom, David!

No funeral de David Schumm, celebramos o otimismo, a perseverança e a fé de um homem com grave paralisia cerebral. Durante todos os 74 anos de David, as tarefas simples da vida diária exigiram grande esforço. Ao longo de todo esse tempo, ele continuou sorrindo e ajudando os outros, doando mais de 23 mil horas como voluntário num hospital, além de encorajar adolescentes em situação de risco.

Conte a história

Numa entrevista perguntaram ao cineasta George Lucas de que maneira ele gostaria de ser lembrado. Ele respondeu: “Serei lembrado como um cineasta. […] Espero que algumas das histórias que contei ainda sejam relevantes. […] Se você criou filhos, sabe que tem de explicar coisas a eles e, se não o fizer, eles acabarão aprendendo da maneira mais difícil. […] Então, as velhas histórias têm de ser reiteradas de uma forma que seja aceitável a cada nova geração. Não acho que um dia deixarei de contar as velhas histórias, porque penso que elas ainda precisam ser contadas.”

Sistema de honra

Muitas casas próximas à nossa vendem hortaliças e sempre-verdes à beira da estrada. Às vezes, nos dirigimos a uma banca sem ninguém cuidando, que opera segundo o “sistema de honra”. Ao escolhermos o que desejamos comprar, colocamos o dinheiro numa caixa ou numa velha lata de café. Então, vamos para casa saborear as frutas e os vegetais recém-colhidos.

Compensando o tempo

Nenhum de nós pode dizer que não tem remorsos. Com frequência, somos levados por caminhos de más escolhas — alguns, mais longos que outros — que podem ter efeito persistente sobre a mente, o corpo e a alma.

Simplifique

James Madison, quarto presidente dos EUA, contribuiu para a elaboração do rascunho da constituição daquele país. Ele alertou contra criar leis “tão volumosas que não possam ser lidas ou tão incoerentes que não possam ser compreendidas”. Com base em alguns dos complicados formulários do governo que li, aquele conselho ainda precisa ser escutado com muito mais frequência!

É errado ter ambição?

É errado ter ambição? É errado ser esforçado, fazer o máximo para ser o melhor? Pode ser. A diferença entre a ambição certa e a errada está em nosso objetivo e motivação — se é para a glória de Deus ou para a nossa própria.

Guarde sua marca

Uma conhecida loja de roupas exige que seus vendedores se vistam como os manequins que fazem propaganda das suas roupas nas janelas da loja. Esta prática é denominada “guardar a marca”. A ideia por detrás dela é que os compradores terão mais probabilidade de comprar roupas porque desejarão se parecer com as pessoas que veem vestidas, usando-as.