Polegar íntegro

De acordo com uma fábula africana, quatro dedos e um polegar viviam juntos em uma mão. Eram amigos inseparáveis. Um dia, viram um anel de ouro ao lado deles e planejaram pegá-lo. O polegar disse que seria errado roubar o anel, mas os quatro dedos o chamaram de moralista covarde e se recusaram a serem seus amigos. Pelo polegar estava tudo bem; ele não queria ter nada a ver com a travessura deles. É por isso, diz a lenda, que o polegar ainda está separado dos outros dedos.

Pontes vivas

As pessoas que vivem na cidade de Cherrapunji, na Índia, desenvolveram uma forma singular de atravessar os muitos rios e córregos em suas terras. Elas fazem crescer pontes a partir das raízes de seringueiras. Estas “pontes vivas” levam entre 10 e 15 anos para amadurecer, mas uma vez crescidas, tornam-se extremamente estáveis e duram centenas de anos.

Gráfico de crescimento

Se, algum dia, minha família se mudar da casa onde vivemos agora, quero tirar as dobradiças da porta da despensa e levá-la comigo! Essa porta é especial porque mostra como os meus filhos têm crescido ao longo dos anos. Todos os meses, meu marido e eu colocamos nossas crianças contra a porta e fazemos a lápis uma marca logo acima de suas cabeças. De acordo com a nossa tabela de crescimento, minha filha cresceu dez centímetros em apenas um ano!

Sabedoria do alto

Caso Kiera Wilmot tivesse executado seu experimento durante a feira de ciências do Ensino Médio, teria recebido nota 10. Mas, na verdade, ela foi acusada de causar uma explosão. Apesar de ter planejado esperar até que seu professor aprovasse o experimento, seus colegas a convenceram a executá-lo fora da sala de aula. Ao misturar compostos químicos dentro de uma garrafa plástica, o recipiente explodiu, e ela involuntariamente feriu alguns colegas.

Mantenha a calma

“Mantenha a calma e ligue para mamãe.” “Mantenha a calma e alimente-se.” “Mantenha a calma e ponha a chaleira no fogo.” Estas palavras derivam da frase: “Mantenha a calma e siga em frente.” Esta mensagem apareceu pela primeira vez na Grã-Bretanha quando a Segunda Guerra Mundial começou em 1939. Os oficiais britânicos imprimiam a frase em pôsteres projetados para combater o pânico e o desânimo durante a guerra.

A visão do céu

No período de um ano, a lucrativa editora de Richard LeMieux faliu. Em pouco tempo, sua riqueza desapareceu e ele entrou em depressão. LeMieux passou a abusar do álcool e sua família o abandonou devido a isso. Na pior fase de sua vida, ele não tinha onde morar, estava arruinado e desamparado. Entretanto, foi durante esta época que ele se voltou a Deus. Mais tarde ele escreveu um livro sobre o que aprendera.

Branco como a neve

Enquanto levava meu filho para casa depois da escola, a neve começou a cair. Os flocos fofos caíam firmes e rapidamente. Diminuímos a velocidade até pararmos, presos no trânsito. De dentro de nosso veículo, assistimos a uma transformação acontecer. Fragmentos escuros do solo ficaram brancos. A neve suavizou os contornos agudos de prédios; revestiu os carros ao nosso redor e acumulou-se em todas as árvores que enxergávamos.

Quem leva o crédito?

Chris Langan tem um QI mais alto que o de Albert Einstein. Moustafa Ismail tem um bíceps de 78 centímetros e consegue erguer 270 quilos. Estima-se que Bill Gates tem um patrimônio de bilhões. Aqueles que têm habilidade ou posses extraordinárias podem ficar tentados a vangloriar-se mais do que deveriam. Mas não precisamos ser altamente inteligentes, fortes ou ricos para desejarmos ficar com os créditos por nossos feitos. Qualquer tipo de realização traz consigo a seguinte questão: Quem ficará com os créditos?

Entrando para a família

Maurice Griffin foi adotado aos 32 anos de idade. Ele havia vivido com Lisa e Charles Godbold por 20 anos, tendo-os como seus tutores. Apesar de Maurice ser agora um homem vivendo por conta própria, a completude do processo de adoção era o que ele e a família sempre quiseram. Estando reunidos com a adoção oficial, Maurice comentou: “Este é provavelmente o momento mais feliz da minha vida […] Estou feliz por estar em casa.”

Tomates de graça

Ao guardar as compras no porta-malas do carro, olhei para o veículo ao lado. Pela janela de trás, pude ver cestas cheias de tomates vermelhos reluzentes — brilhantes, rechonchudos e com aparência melhor do que qualquer outro que havia visto no mercado. Segundos depois, quando a dona do carro apareceu, eu disse: “Que tomates bonitos!” Ela respondeu: “Este ano tive uma boa produção. Você quer alguns?” Surpresa por sua disposição em compartilhar, aceitei com alegria. Ela me deu muitos tomates de graça! E eles eram tão saborosos quanto aparentavam ser!

A ligação com a vida

Aos 16 anos, Morris Frank (1908–80) perdeu a visão nos dois olhos. Vários anos depois, ele viajou à Suíça, onde encontrou Buddy, o cão que ajudaria a inspirar o envolvimento dele com a escola de cães guias Seeing Eye (Olho que Vê).

Vestido para enganar

Caminhando pelas montanhas, Coty Creighton viu um bode que não se parecia com o resto do rebanho. Uma observação mais apurada revelou que o incomum animal era, na verdade, um homem vestido de bode. Quando as autoridades contataram o homem, ele descreveu seu traje como um macacão de pintor coberto com lã e disse estar testando seu disfarce para uma caçada.