Our Authors

ver tudo

Articles by Bill Crowder

Inesperado

No calor do meio-dia do verão, numa viagem à América do Sul, minha esposa e eu paramos para tomar um sorvete. Na parede atrás do balcão, lemos um aviso que dizia: “Proibido patinar no gelo.” Teve graça porque foi bem inesperado.

Um lugar firme para ficar

A área histórica do calçadão junto ao rio em Savannah, Geórgia, EUA, é pavimentada com paralelepípedos irregulares. Os moradores locais dizem que, séculos atrás, as pedras eram usadas como lastro de navios ao cruzarem o Oceano Atlântico. Quando a carga era carregada na Geórgia, as pedras de lastro não eram mais necessárias, sendo então usadas para pavimentar as ruas próximas às docas. Essas pedras haviam cumprido sua função primária — estabilizar o navio em águas perigosas.

O que realmente importa

Dois homens sentaram-se para avaliar os resultados de sua viagem de negócios. Um disse pensar que a viagem havia sido valiosa porque alguns novos relacionamentos significativos haviam começado por meio de seus contatos de negócios. O outro disse: “Relacionamentos são bons, mas o que importa é vender.” Obviamente, eles tinham visões muito diferentes.

A morada de Deus

James Oglethorpe (1696–1785) foi um general britânico e membro do Parlamento, que teve a visão de uma grande cidade. Encarregado de estabelecer o estado da Geórgia na América do Norte, ele planejou a cidade de Savannah segundo aquela visão. Projetou uma série de quadrados, cada qual com um espaço verde e áreas designadas para igrejas e lojas, com o restante reservado para habitação. O pensamento visionário de Oglethorpe é visto hoje numa cidade bonita e bem organizada, considerada uma joia do sul dos EUA.

Para ser entendido

Gosto de visitar museus como a Galeria Nacional, em Londres, e a Galeria Estatal Tretyakov, em Moscou. Embora a maioria das obras de arte seja de tirar o fôlego, algumas me confundem. Olho para os salpicos de cor aparentemente aleatórios sobre uma tela e percebo que não tenho a mínima ideia do que estou vendo, mesmo que o artista seja um mestre em seu ofício.

Grande sacrifício

W. T. Stead, jornalista inglês inovador da virada do século 20, era conhecido por escrever sobre questões sociais polêmicas. Dois de seus artigos trataram do perigo de os navios operarem com um número insuficiente de botes salva-vidas. Ironicamente, Stead estava a bordo do Titanic quando este colidiu com uma montanha de gelo em 15 de abril de 1912. Segundo um relato, após ter ajudado mulheres e crianças a entrarem em botes salva-vidas, ele sacrificou-se dando seu colete salva-vidas e lugar num dos botes para que outros pudessem ser resgatados.

Sabedoria e graça

Em 4 de abril de 1968, o líder norte-americano dos direitos civis Martin Luther King Jr. foi assassinado, deixando milhões de pessoas iradas e desiludidas. Em Indianápolis, uma multidão majoritariamente afro-americana se reuniu para ouvir Robert F. Kennedy falar. Muitos ainda não sabiam da morte de King: Kennedy teve de dar a trágica notícia. Ele pediu calma, reconhecendo não apenas a dor deles, mas seu próprio pesar permanente pelo assassinato de seu irmão, o presidente John F. Kennedy.

Nunca abandonados

O escritor russo Fiódor Dostoiévski disse: “O grau de civilização de uma sociedade pode ser julgado entrando-se nas suas prisões”. Com isso em mente, li na internet um artigo que descrevia “As 8 prisões mais mortais do mundo.” Em uma dessas prisões, todos os prisioneiros são mantidos em confinamento solitário.

O lagar de azeite

Se você visitar a aldeia de Cafarnaum, junto ao mar da Galileia, encontrará uma exposição de lagares antigos. Formado por rocha basáltica, o lagar de azeite compõe-se de duas partes: uma base e uma mó. A base é grande e redonda, com uma calha entalhada. As azeitonas eram colocadas nessa calha e, em seguida, a mó; um disco de moer, também feita de pedra pesada, era rolada sobre as azeitonas para extrair o óleo.

Portas que se abrem

Charlie Sifford é um nome importante nos esportes dos EUA. Ele se tornou o primeiro membro afro-americano, jogador do torneio da Associação de Golfistas Profissionais, a ingressar num esporte que, até 1961, tinha a cláusula de “somente para brancos” no estatuto social. Resistindo à injustiça racial e assédio, Sifford conquistou o seu lugar nos jogos de nível mais elevado, venceu dois torneios e, em 2004, foi o primeiro afro-americano a fazer parte da Galeria da Fama do Golfe Mundial. Ele abriu as portas do golfe profissional aos jogadores de todas as etnias.

A fábrica de tristeza

Como fã do meu time de futebol durante toda a vida, cresci conhecendo minha cota de decepção. Apesar de ser um time que nunca apareceu na primeira divisão do campeonato nacional, ainda assim têm uma base leal de fãs que não abandona o time ano após ano. Mas como os torcedores geralmente se decepcionam, muitos deles agora se referem ao estádio do time como a “Fábrica de Tristeza”.

Ele veio por você

Em seus romances O processo e O castelo, Franz Kafka (1883–1924) retrata a vida como uma existência desumanizadora que transforma as pessoas num mar de rostos vazios, sem identidade ou valor. Kafka afirma que “a correia transportadora da vida o leva adiante, ninguém sabe aonde. A pessoa é mais um objeto, uma coisa, do que uma criatura viva.”