Os fãs de Star Wars em todo o mundo aguardaram ansiosamente o lançamento do Episódio 8, “Os últimos Jedi”, e as pessoas continuam a analisar o notável sucesso desses filmes que remontam a 1977. Um repórter da CNN disse que Star Wars junta-se ao anseio de muitos por “uma nova esperança e uma força do bem num momento em que o mundo precisa de heróis”.

Na época do nascimento de Jesus, o povo de Israel estava oprimido e ansiava por seu Messias, há muito prometido. Muitos esperavam pelo aparecimento de um herói para libertá-los da tirania romana, mas Jesus não veio como um herói político ou militar. Em vez disso, Ele veio como um bebê para a cidade de Belém. Por isso, muitos não reconheceram quem Ele era. O apóstolo João escreveu: “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam” (João 1:11).

Mais do que um herói, Jesus veio como nosso Salvador. Ele nasceu para trazer a luz de Deus para a escuridão e dar a Sua vida para que todos os que o recebem possam ser perdoados e libertos do poder do pecado. João o chamou de “unigênito do Pai” (v.14).

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber, aos que creem no seu nome” (v.12). Na verdade, Jesus é a única verdadeira esperança que o mundo precisa.