A Estrada Nacional 5 de Madagascar oferece a beleza de uma costa com areia branca, bosques de palmeiras e o Oceano Índico. Mas, com seus 200 km de pista única, rochas, areia e lama, ela é uma das piores estradas do mundo. Turistas em busca de vistas deslumbrantes precisam de um veículo com tração nas quatro rodas, um motorista experiente e um mecânico a bordo.

João Batista veio anunciar a boa-nova da vinda do Messias aos que andavam por estradas irregulares e paisagens estéreis. Repetindo as palavras de Isaías, ele instou multidões curiosas: “…Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas” (Lucas 3:4,5; Isaías 40:3).

João sabia que, para o povo de Jerusalém ter condição de acolher seu muito aguardado Messias, seus corações precisavam mudar. Montanhas de orgulho religioso tinham de vir abaixo. Quem estava no vale de desespero por sua vida doente tinha de ser levantado.

Nada disso podia ser feito por puro esforço humano. Os que se recusaram a responder ao Espírito de Deus aceitando o batismo de arrependimento de João falharam em não reconhecer o seu Messias quando Ele veio (Lucas 7:29,30). Porém, os que viram que necessitavam mudar descobriram em Jesus a bondade e o milagre de Deus.