Arquivos: janeiro 2018

Ele veio por você

Em seus romances O processo e O castelo, Franz Kafka (1883–1924) retrata a vida como uma existência desumanizadora que transforma as pessoas num mar de rostos vazios, sem identidade ou valor. Kafka afirma que “a correia transportadora da vida o leva adiante, ninguém sabe aonde. A pessoa é mais um objeto, uma coisa, do que uma criatura viva.”

Origem das Histórias em Quadrinhos

Hoje é o Dia Nacional das Histórias em Quadrinhos, as famosas HQ’s. Você sabe de onde elas surgiram?

As histórias em quadrinhos tem origem pré-histórica. Desde os primórdios, a humanidade sentiu a necessidade de gravar e comunicar o que aconteceu através de representações visuais. O conteúdo dos desenhos nas paredes das cavernas variam de animais e caçadas à eventos da…

A menção de Seu nome

Q uando o solista começou a cantar durante nosso culto de domingo, a congregação lhe deu total e silenciosa atenção. Sua voz suave de barítono-baixo lhes trouxe as palavras pungentes de uma antiga canção de Gordon Jensen. O título da canção expressa uma verdade cada vez mais preciosa quanto mais velhos nos tornamos: Ele está tão perto quanto a menção de Seu nome.

O jardim zoológico de seu pai

June Williams tinha apenas 4 anos quando seu pai comprou uma extensa área de terra para construir um jardim zoológico sem grades ou gaiolas. Agora adulta, ela se lembra de como seu pai era criativo na tentativa de ajudar os animais selvagens a se sentirem livres em confinamento. Hoje, o Chester Zoo é uma das atrações de vida selvagem mais populares da Inglaterra. É o abrigo de 12 mil animais. O zoológico reflete a preocupação de seu pai com o bem-estar dos animais, a educação e a conservação.

Antes do telefone

Como mãe de crianças pequenas, às vezes sou suscetível a entrar em pânico. Minha primeira reação é telefonar para minha mãe e perguntar-lhe o que fazer com a alergia de meu filho ou a tosse súbita de minha filha.

O que é?

Minha mãe ensinou na Escola Dominical durante décadas. Certa semana, ela quis explicar como Deus forneceu alimento para os israelitas no deserto. Para dar vida à história, ela criou algo para representar o maná para as crianças de sua classe. Ela cortou pão em pedaços pequenos e os cobriu com mel. Sua receita foi inspirada na descrição bíblica do maná, que diz que ele tinha “sabor como bolos de mel” (Êxodo 16:31).