Geralmente a minha esposa precisa me lembrar de colocar o lixo para fora nos dias de coleta. Não é uma de minhas tarefas prediletas, mas faço um esforço para cumpri-la. Em seguida, sinto-me muito bem quando o lixo está fora de casa e esqueço-me dele até a semana seguinte.

Assim como precisamos de caminhões de lixo para recolher o que se acumula em nossas casas, precisamos deixar que Jesus remova o “lixo” que inevitavelmente se acumula em nosso coração. Quando esquecemos de colocar o lixo para fora, o resultado não é agradável. Jesus quer que o descartemos regularmente, aos pés da cruz. Na realidade, Ele prometeu remover e esquecê-lo.

Mas espere um minuto! Será que estamos remexendo as latas, tentando encontrar algo que não estamos dispostos a abrir mão? Quem sabe um hábito pecaminoso que não queremos deixar, uma fantasia na qual estamos presos, uma vingança que ainda queremos que aconteça? Por que queremos nos apegar a esse lixo?

Colocar o lixo para fora começa com uma confissão. Depois, devemos deixar que Jesus o leve embora. “Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça” (1 João 1:9).

Hoje é o dia de coleta. Leve o lixo aos pés da cruz e deixe-o ali!